Casal é preso pelo crime de tortura praticado contra uma criança de dois anos de idade em Palmares do Sul

Nesta quarta-feira (20), a Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia de Palmares do Sul, com o apoio da Brigada Militar, prendeu preventivamente um casal pelo crime de tortura praticado contra uma criança de dois anos de idade em Palmares do Sul. Os suspeitos são o padrasto e a mãe da vítima.
O fato chegou ao conhecimento da Polícia Civil por meio do registro de uma ocorrência policial na Delegacia de Polícia de Palmares do Sul pelo Conselho Tutelar local, a partir de um vídeo amplamente divulgado nas redes sociais, desde essa terça-feira (19), no qual um homem agride uma criança, enquanto troca a sua fralda e a veste, ocasião em que uma mulher filma a ação.
Segundo o Delegado de Polícia Antônio Carlos Ractz Jr., constatou-se que o fato ocorreu neste mês, no Distrito de Granja Vargas, em Palmares do Sul, tendo o padrasto, de 47 anos, como agressor, e a enteada, de 02 anos e 08 meses, como vítima. A mãe, que tinha o dever de evitar, omitiu-se, limitando-se a gravar as agressões em vídeos, sem tomar qualquer providência.
“Com o casal, residiam outras crianças, uma de 06 anos e 01 mês e outra de 01 ano e 08 meses. Todas são enteadas do agressor, foram afastadas do convívio familiar pelo Conselho Tutelar e colocadas em família substituta. A investigação criminal prossegue para apurar se as outras duas crianças também foram vítimas”, contou o delegado.

Fonte e foto: Ascom SSP