Polícia Civil identifica suspeito de torturar criança em Palmares do Sul

A partir de um vídeo entregue a Polícia Civil de Palmares do Sul com imagens de uma criança de aproximadamente 2 anos de idade sendo agredida por um homem com tapas no rosto e nas costas e ainda abusada, as autoridades chegaram ao suspeito. No vídeo ainda é possível ouvir uma voz feminina dizendo que as marcas poderiam ser percebidas pela creche. As autoridades em Palmares do Sul, após a identificação da família agiu por meio do Conselho Tutelar e Polícia Civil retirando a criança agredida de 1 ano e 10 meses e as outras duas irmãs de 2 e 6 anos da residência e foram levadas para uma casa de passagem.
O agressor seria o padrasto que nesta terça-feira, dia 19, apresentou-se na delegacia de polícia e será indiciado pelo crime de tortura. A mãe da criança ainda não foi encontrada, mas será indiciada pelo crime de omissão. Agora a polícia investiga a data de gravação do vídeo e da agressão e se as outras crianças também foram agredidas pelo padrasto.
Fonte e foto: SSP