A Policia Civil de Xangri-lá, está investigando uma ocorrência de briga generalizada, registrada na praça central do município, na noite de ano novo. De acordo com imagens que registraram o caso, houve disparos de arma de arma de fogo, que partiram de um veículo, tripulado por pessoas desconhecidas, que teriam chegado ao local, e que em ato contínuo realizaram os disparos para o alto. O fato teria provocado a reação de pessoas que usaram os celulares para registrar o que estava acontecendo. Neste momento houve uma briga generalizada, sem que a polícia tenha identificado o motivo do desentendimento. Ninguém, chegou a ser atingido pelos disparos, mas a ação provocou uma grande confusão com algumas pessoas tentando fugir do local e outras entrando em confronto com eventuais desafetos. De acordo com o delegado Roland Short, titular da DP de  Xangri-lá, já foi possível identificar o veículo de onde partiram os disparos, a partir de imagens de monitoramento da Prefeitura e do sistema de segurança dos condomínios. Porém, a identificação do proprietário do veículo, é tratada com cautela, para que não ocorram equívocos na investigação, “é uma situação complicada, porque o carro pode ter sido negociado e ainda estar em nome de um antigo proprietário”, explica o delegado. Paralelamente a esse esclarecimento, os policiais também buscam esclarecer o que teria motivado o conflito, após os disparos. O delegado Short descarta porém que tenha sido originado pela presença de pessoas no local, “a aglomeração não foi a origem do confronto. Isso está descartado”, esclareceu. O delegado pede a colaboração das pessoas, que tenham conhecimento de quaisquer informações que possam contribuir com as investigação, para que entrem em contato com a Delegacia de Polícia de Xangri-lá.

Foto: PC/Divulgação