A Policia Rodoviária Estadual, registrou cinco mortes no último fim de semana, entre sexta a domingo, apesar das diversas ações e operações nas rodovias estaduais na prevenção da acidentalidade e no enfrentamento da criminalidade.  Apesar da intensificação da fiscalização e operações policiais, no período ocorreram quatro acidentes de trânsito com morte, resultando em cinco vítimas fatais. Esses acidentes, após a análise da dinâmica do sinistro, se percebeu que eram evitáveis. Ocorreram por imprudência, notadamente o excesso de velocidade, a ultrapassagem forçada, a embriaguez ao volante e o não uso do cinto de segurança. Esses fatores combinados aumentam a gravidade dos acidentes.  Foram fiscalizados 18.443 veículos, identificadas 12.520 pessoas, e 3.679 autos de infrações foram lavrados, principalmente por infrações que incidem na acidentalidade, como por exemplo, a ultrapassagem em local proibido.  O excesso de velocidade, que é uma infração que agrava o resultado dos acidentes e que é a causa de muitas mortes no trânsito foi rigorosamente combatido. No final de semana, 9.247 veículos foram flagrados em alta velocidade nas rodovias estaduais do Rio Grande do Sul.  A embriaguez ao volante vêm preocupando o CRBM: o número de condutores que são flagrados dirigindo sob influência de álcool vem aumentando significativamente. Nesse sentido, de sexta a domingo, 78 condutores foram flagrados dirigindo após consumir bebidas alcoólicas. Em média, por dia, 26 condutores foram flagrados dirigindo sob influência de álcool (sexta a domingo). O Comando Rodoviário da Brigada Militar segue atento e intensificando as fiscalizações para proporcionar aos usuários das rodovias estaduais um trânsito mais seguro.

Foto: CRBM/Divulgação

“No trânsito sua responsabilidade salva vidas. CRBM: Um cuidado a mais, um acidente a menos.”