Um homem de 34 anos, matou a golpes de faca, a ex-companheira, de 28 anos, de quem já estava afastado, devido a desentendimentos anteriores, que resultou no fim do relacionamento. O caso foi registrado no interior da residência onde a vítima estava morando na Rua Pinheiro Machado, no centro de Terra de Areia. De acordo com o Delegado Adriano Pinto, titular da DP de Arroio do Sal, e que responde, também por Terra de Areia, o autor do crime, procurou policiais da Brigada Militar, no serviço administrativo no Pelotão da cidade, e relatou que momentos antes matou a facadas sua ex-companheira. A guarnição deslocou até a residência da vítima, onde foi confirmado o ocorrido. A vítima foi encontrada sem vida com sinais de violência, ferida a golpes de faca. O homem foi preso em flagrante e conduzido a Delegacia de Polícia local. O preso relatou, informalmente, que estava separado da vítima e que esta havia registrado ocorrência contra ele de ameaça, dificultando que ele conseguisse emprego como segurança. Diante disso, hoje ele a procurou disposto a matá-la portando uma faca. Em fevereiro deste ano, a vítima havia registrado ocorrência de ameaça, e teve medidas protetivas deferidas com validade por 3 meses. Após ser feito o registro da ocorrência, cumprindo os trâmites iniciais do processo, o autor do crime que possui antecedentes por ameaça e violência doméstica em Porto Alegre, foi  recolhido ao sistema prisional. Este foi o terceiro caso de feminicidio do ano no Litoral Norte, que agora soma 37 casos de crime contra a vida, com um total de 43 vítimas.

Foto: Edgar Vaz/Divulgação