Aproximadamente 600 quilos de alimentos impróprios para consumo foram apreendidos e inutilizados, após uma operação de fiscalização do Programa Segurança Alimentar RS realizada nesta quarta-feira(27), no município de Cidreira, no Litoral Norte.  Quatro estabelecimentos comerciais foram vistoriados e autuados. A vistoria se deparou com alimentos sem rotulagem adequada, sem informações obrigatórias, carnes sem o selo de inspeção, sem procedência e armazenados de forma irregular. Um dos estabelecimentos fiscalizados, um bazar, realizava venda de carnes congeladas, de forma irregular, com valor abaixo dos valores  de mercado, com  prazo de validade vencido e sem procedência.  Participaram da operação o coordenador do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) – Segurança Alimentar, Alcindo Luz Bastos da Silva Filho, servidores do Gaeco – Segurança Alimentar, representantes da Vigilância Sanitária Municipal de Cidreira, Secretaria Estadual da Saúde (SES), Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (SEAPDR), Delegacia de Polícia de Proteção ao Consumidor (Decon) e a  Patrulha Ambiental da Brigada Militar (Patram).

Foto: Ilustração