A Brigada Militar prendeu um homem de 20 anos na noite desta quarta-feira (21), no bairro Stan em Torres,  pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo e uso indevido de logotipo da Polícia Civil. A ação evitou um provável confronto entre facções na briga pelo tráfico de drogas na região. A partir de informações de que indivíduos ligados a uma facção  criminosa, estariam na cidade de Torres se organizando para possíveis ataques contra uma organização rival, a Agência de Inteligência do 2° BPAT passou a monitorar o local. O alvo dos policiais era localizar os suspeitos que estariam tripulando um veículo marca JAC Motors, modelo J5. Duas equipes da Força Tática do 2° BPAT, que estavam de folga, foram acionadas para realizar a abordagem do veículo quando esse fosse localizado.  Em ação conjunta, os policiais militares realizaram diligências na cidade, e o veículo foi encontrado.  Um homem de 20 anos, com extensa ficha criminal, possuindo cinco passagens policiais por tráfico de drogas, roubo de veículo, roubo a estabelecimento comercial, motim de preso, receptação, entre outras passagens, foi abordado e identificado pelos policias. Durante revista pessoal ao detido, foram encontradas; uma pistola calibre .9mm que ele carregava na cintura, dois carregadores de pistola e 57 munições de calibre .9mm. No carro,  os policiais encontraram mais uma pistola de calibre .380, 21 munições do mesmo calibre, dois carregadores de pistola, uma munição de calibre .38, um drone com controle remoto e um rádio-comunicador com capacidade para operar na frequência de comunicação da Brigada Militar. Além desses materiais apreendidos, os PMs também encontraram dentro do veículo, uma camiseta, um boné e uma máscara, todos com o logotipo da Polícia Civil, que serviriam para serem utilizados durante as ações criminosas. O suspeito foi detido, autuado em flagrante e recolhido aos sistema prisional, com o material encontrado, sendo apreendido.

Foto: BM/Divulgação